Existe um motivo para o USB ser tão difícil de plugar, explica criador

Se você tentou conectar qualquer dispositivo a um computador nos últimos 20 anos provavelmente ficou frustrado ao errar o lado da porta USB diversas vezes antes de conseguir acertar.

Pois saiba que até mesmo o criador do padrão reconhece o problema e tem uma justificativa para a escolha desse design.

Em uma entrevista para a NPR, Ajay Bhatt, o responsável por liderar a equipe da Intel que criou o USB, explicou que a decisão pode deixar alguns usuários frustrados, mas ela era necessária nos anos 1990, quando o padrão foi projetado.

USB“Cabo não encaixa. Rotacionar 180 graus. Cabo não encaixa. Rotacionar 180 graus. Cabo encaixa. Comprovado: cabos existem em um espaço da quarta dimensão”.

De acordo com Bhatt, até seria possível criar um plugue que pode ser conectado independentemente do lado em que ele é encaixado. No entanto, isso exigiria o dobro da quantidade de cabos e circuitos que acabaram por ser utilizados no USB. Na prática, isso resultaria em um produto com quase duas vezes o preço original, o que poderia inviabilizar a adoção pela indústria.

Bhatt e sua equipe acabaram decidindo por deixar o USB um pouco inconveniente, mas bem mais barato, facilitando a aceitação por outras empresas. A solução para esse problema surgiu apenas nessa década, com a chegada do USB-C, que pode ser conectado de qualquer lado. Pode demorar até que o USB antigo seja substituído, mas a tendência é que a frustração com o padrão fique no passado.

 

Fonte: Tecmundo